Geral
30/06/2020 19:51

As fortes chuvas que atingem o Estado desde a noite da segunda-feira, dia 29, tiveram impacto em Gramado. Alexandre Santos, coordenador da Defesa Civil no município, informa que foram realizados diversos atendimentos desde a manhã desta terça-feira, dia 30. Na Vila do Sol, uma casa foi destelhada e a Defesa Civil forneceu lonas e deverá disponibilizar telhas.

Linha Ávila

Na Estrada da Linha Ávila, a Prefeitura informa que galeria antiga não suportou a vazão de água, causando transbordamento no local. O secretário adjunto de Governança, Tiago Borges, disse que o problema está na travessia antiga, que não suportou o grande volume de água. 

“O novo canal que está em obras, com tamanho três vezes superior ao antigo, revelou ter capacidade suficiente para receber grande volume de água do arroio“, frisou Tiago.

Ele esteve na tarde desta terça-feira, dia 30, no local, e conversou com moradores próximos da galeria. “Eles relataram que pela primeira vez a casa deles não alagou com uma chuvarada”, destaca Tiago.

Para amenizar o problema, a Secretaria de Obras executou serviços no local para possibilitar maior vazão da água junto à galeria antiga, evitando o transbordamento. Nenhuma casa foi inundada.

Rua Waldemar Weber

A Secretaria de Governança de Gramado informa que o alagamento registrado hoje na Rua Prefeito Waldemar Frederico Weber não tem relação com a obra que está sendo executada ali. 

“O acúmulo de água tem origem na falta de drenagem no trecho final da Avenida Borges de Medeiros, cuja pavimentação é antiga. A água da chuva escoa pelo asfalto e se acumula no trecho da Rua Waldemar Frederico Weber que está em obras de recuperação asfáltica (não de drenagem)”, disse Tiago.

Nesta quarta-feira, dia 1º, a Secretaria de Obras deverá iniciar a execução de serviço na Avenida Borges de Medeiros, possibilitando uma maior vazão da água.