Geral
09/05/2022 20:07

O Projeto de Lei do Legislativo (PLL) 002/2022, que garante a presença de doulas em maternidades, casas de parto e estabelecimentos hospitalares da rede pública e privada de Gramado foi aprovado por unanimidade na sessão ordinária desta segunda-feira, dia 9.

A proposta é de autoria da parlamentar Rosi Ecker Schmitt (Progressistas) e institui a permissão durante o período de trabalho de parto, parto e pós-parto. A palavra doula vem do grego e significa “mulher que serve”.

São profissionais capacitadas para oferecer apoio continuado a outras mulheres, seus companheiros e familiares, proporcionando conforto físico, apoio emocional e suporte antes, durante e após o nascimento
dos filhos. A doula realiza o acompanhamento e utiliza técnicas de alívio da dor e de relaxamento, além de exercícios específicos de preparo para o trabalho de parto.

“Foi um projeto trabalhado por muitas mãos, chamamos as doulas, mamães e o hospital, para deixar ele bem completo. Conheço esse trabalho e sei de sua importância não só na vida das mães, mas é um auxílio e acompanhamento para toda a família”, disse Rosi.