Turismo
10/05/2019 15:12

Mais de 400 pessoas lotaram o auditório do Expogramado para a abertura da segunda edição do Fórum Gramado de Estudos Turísticos nesta quinta-feira, 9 de maio.

O evento, que propõe um debate sobre os aspectos da evolução do turismo, contou com a presença de autoridades que subiram ao palco para discursos destacando a importância do setor e sua gestão responsável e visionária.

O presidente do Fórum, Luia Barbacovi, abordou números grandiosos do turismo no âmbito mundial demonstrando a necessidade de se merecer maior atenção por parte dos governos.

A solenidade contou ainda com a execução do Hino Nacional e Riograndense a cargo do Grupo de Sopros da Orquestra Sinfônica de Gramado.

Na sequência, o público foi brindado cm uma conversa descontraída em estilo talk show com Eduardo Zorzanello, presidente do Gramado, Canela Convention & Visitors Bureau, devidamente conduzida pelo jornalista Miron Neto, relembrando um pouco da história de Gramado e sua evolução como destino turístico consolidado.

Vale lembrar que o Fórum Gramado prossegue ao longo da sexta-feira e do sábado, debatendo e analisando temas de grande relevância como as novas tecnologias que facilitam o dia-a-dia do turista; política externa do Mercosul; como preparar o país para a inteligência artificial; identificação de nichos de mercado nos destinos para identificar a economia turística; a força do turismo religioso e místico; a experiência das autarquias; entretenimento como produto; mobilidade urbana e sustentável, além de alternativas para atrair o visitante.

Cabe destacar que a segunda edição vai superar a primeira em número de inscritos. Se em 2018 o evento reuniu 662 pessoas de 18 estados, em 2019 quase 800 e de 20 estados prometem aumentar a reflexão proposta pelo evento sobre o turismo atual. 

O Fórum Gramado de Estudos Turísticos é uma realização do SindTur Serra Gaúcha e conta com o apoio da Prefeitura de Gramado e da Câmara de Vereadores de Gramado.

O evento é direcionado aos players do turismo nacional, aos dirigentes de destinos turísticos, aos legisladores, ou seja, aos que possuem ferramentas para a implantação de diretrizes em suas comunidades.

Cabe ressaltar que os estudantes de turismo também são foco do evento, que se propõe a debater temas acadêmicos e suas repercussões práticas.

Desta forma, para garantir a excelência acadêmica, o Fórum conta com o suporte acadêmico da Universidade de Caxias do Sul (UCS), por meio do Programa de Mestrado e Doutorado em Turismo e Hospitalidade, ratificando a importância da UCS na investigação científica em turismo no Brasil.

Mais informações:  www.forumgramado.com.br